BM News

Concessionária alerta sobre fraude envolvendo boleto para pagamento em pedágio automático na Serra

CSG informou que não envia e-mail ou mensagens com a cobrança da tarifa aos motoristas

Mais de um mês após o início das operações do pedágio sem cancelas (free flow) no km 108 da ERS-122, em Antônio Prado, a Concessionária Caminhos da Serra (CSG) alertou que não emite e não envia por e-mail ou qualquer canal de comunicação boletos de cobrança de tarifas.

A empresa teve conhecimento de clientes que receberam um suposto e-mail com um boleto falso, mas não há informações se algum foi lesado com o golpe. O pagamento deve ser realizado de forma segura e confiável diretamente pelos canais oficiais da concessionária.

De acordo com a concessionária, os condutores devem pagar a tarifa em até 15 dias após a passagem pelo pedágio. A recomendação da CSG é de que os veículos estejam com a tag (etiqueta eletrônica) previamente instalada no para-brisa, para que o valor seja faturado automaticamente. Empresas como Sem Parar, ConectCar, Veloe, Move Mais e Taggy, assim como instituições financeiras, como Banrisul, Sicredi e Itaú, disponibilizam o adesivo por meio dos seus sites e aplicativos.

Os motoristas também podem realizar o pagamento nos totens das bases de atendimento ao cliente da concessionária. Elas estão localizadas em Ipê (ERS-122 - km 151,8), Flores da Cunha (ERS-122 - km 99,5), Farroupilha (RSC-453 - km 118,6), Bom Princípio (ERS-122 km 36,1) e, a partir de fevereiro, em Capela de Santana (ERS-240 - km 24,8), quando a antiga estrutura em Portão (km 13 da ERS-240) será desativada.

Na semana passada, a CSG informou que cerca de 22,4 mil motoristas podem ser multados por não pagar pedágio automático na Serra após um mês em operação. O número representa 12% do total de 187 mil veículos registrados pelo pórtico automático, de acordo com a Concessionária Caminhos da Serra Gaúcha (CSG).

Outros cinco pórticos de free flow vão ser ativados em fevereiro na área de concessão da CSG. Os pontos de cobrança ficarão na ERS-122 em Farroupilha, pouco antes do limite com São Vendelino, na ERS-122 em Ipê, e na ERS-122 em São Sebastião do Caí. Haverá ainda pórtico na ERS-446 em Carlos Barbosa e na ERS-240 em Capela de Santana.

  • Compartilhe
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no WhatsApp

Concessionária alerta sobre fraude envolvendo boleto para pagamento em pedágio automático na Serra

Mais de um mês após o início das operações do pedágio sem cancelas (free flow) no km 108 da ERS-122, em Antônio Prado, a Concessionária Caminhos da Serra (CSG) alertou que não emite e não envia por e-mail ou qualquer canal de comunicação boletos de cobrança de tarifas.

A empresa teve conhecimento de clientes que receberam um suposto e-mail com um boleto falso, mas não há informações se algum foi lesado com o golpe. O pagamento deve ser realizado de forma segura e confiável diretamente pelos canais oficiais da concessionária.

De acordo com a concessionária, os condutores devem pagar a tarifa em até 15 dias após a passagem pelo pedágio. A recomendação da CSG é de que os veículos estejam com a tag (etiqueta eletrônica) previamente instalada no para-brisa, para que o valor seja faturado automaticamente. Empresas como Sem Parar, ConectCar, Veloe, Move Mais e Taggy, assim como instituições financeiras, como Banrisul, Sicredi e Itaú, disponibilizam o adesivo por meio dos seus sites e aplicativos.

Os motoristas também podem realizar o pagamento nos totens das bases de atendimento ao cliente da concessionária. Elas estão localizadas em Ipê (ERS-122 - km 151,8), Flores da Cunha (ERS-122 - km 99,5), Farroupilha (RSC-453 - km 118,6), Bom Princípio (ERS-122 km 36,1) e, a partir de fevereiro, em Capela de Santana (ERS-240 - km 24,8), quando a antiga estrutura em Portão (km 13 da ERS-240) será desativada.

Na semana passada, a CSG informou que cerca de 22,4 mil motoristas podem ser multados por não pagar pedágio automático na Serra após um mês em operação. O número representa 12% do total de 187 mil veículos registrados pelo pórtico automático, de acordo com a Concessionária Caminhos da Serra Gaúcha (CSG).

Outros cinco pórticos de free flow vão ser ativados em fevereiro na área de concessão da CSG. Os pontos de cobrança ficarão na ERS-122 em Farroupilha, pouco antes do limite com São Vendelino, na ERS-122 em Ipê, e na ERS-122 em São Sebastião do Caí. Haverá ainda pórtico na ERS-446 em Carlos Barbosa e na ERS-240 em Capela de Santana.

Publicidade

Fale com a redação!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )