BM News

Proprietário de casa noturna morre 22 dias após ser baleado em Bento

Vítima foi atingida juntamente com outras duas mulheres em uma tripla tentativa de homicídio

Morreu nesta segunda-feira (19) após 22 dias internado na UTI Marco Antônio Gaieski, de 33 anos, que não resistiu aos ferimentos após uma tripla tentativa de homicídio ocorrida no bairro Cohab, em Bento Gonçalves.

Gaieski foi uma das vítimas baleada no dia 28 de março, quando além dele, outras duas mulheres, de 23 e 25 anos, foram alvejadas por disparos de arma de fogo.

O proprietário de uma casa noturna foi atingido em uma residência na Rua Joana Guindani Tonello.

Segundo as informações da polícia, quatro homens chegaram em um veículo Golf, cor preta, e efetuaram diversos disparos de arma de fogo em direção às vítimas.

Os três feridos foram socorridos e encaminhados para atendimento médico. A Brigada Militar chegou a realizar buscas na região, porém, ninguém foi preso.

Marco Gaieski foi atingido na região do abdômen e tórax. As duas mulheres foram atingidas na região das pernas e bacia e passam bem. Com a confirmação da morte, a Capital do Vinho chega a 15 homicídios em 2021.

Em Agosto de 2020 o Class Nigth Club, boate a qual a vítima era proprietário havia sido baleada com diversos disparos de arma de fogo. Na ocasião, não houve prisões e a Polícia Civil investiga o caso.

  • Compartilhe
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no WhatsApp

Proprietário de casa noturna morre 22 dias após ser baleado em Bento

Morreu nesta segunda-feira (19) após 22 dias internado na UTI Marco Antônio Gaieski, de 33 anos, que não resistiu aos ferimentos após uma tripla tentativa de homicídio ocorrida no bairro Cohab, em Bento Gonçalves.

Gaieski foi uma das vítimas baleada no dia 28 de março, quando além dele, outras duas mulheres, de 23 e 25 anos, foram alvejadas por disparos de arma de fogo.

O proprietário de uma casa noturna foi atingido em uma residência na Rua Joana Guindani Tonello.

Segundo as informações da polícia, quatro homens chegaram em um veículo Golf, cor preta, e efetuaram diversos disparos de arma de fogo em direção às vítimas.

Os três feridos foram socorridos e encaminhados para atendimento médico. A Brigada Militar chegou a realizar buscas na região, porém, ninguém foi preso.

Marco Gaieski foi atingido na região do abdômen e tórax. As duas mulheres foram atingidas na região das pernas e bacia e passam bem. Com a confirmação da morte, a Capital do Vinho chega a 15 homicídios em 2021.

Em Agosto de 2020 o Class Nigth Club, boate a qual a vítima era proprietário havia sido baleada com diversos disparos de arma de fogo. Na ocasião, não houve prisões e a Polícia Civil investiga o caso.

Publicidade

Fale com a redação!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )