BM News

Bento registra 60% a mais no número de roubos de veículos no primeiro mês do ano

Dados foram divulgados pela SSP/RS nesta semana

A Secretaria de Segurança Pública do Estado do Rio Grande do Sul divulgou nesta semana os núemros da violência no primeiro mês do ano em Bento Gonçalves. Durante janeiro, foram registrados cinco roubos de veículos, sendo dois a mais que no mesmo período do ano passado. Ainda foi possível verificar o número de 54 furtos, sendo muito comum nesta época do ano, o furto-arrombamento, em residências que ficam vagas durante o período de férias.

De acordo com o levantamento realizado pela secretaria, os números mostram ainda que durante o mês janeiro, em Bento Gonçalves foram registrados nove casos de furtos de veículo, 12 ocorrências de roubo, 20 registros de estelionato, três casos de delitos relacionados a armas e munições, 16 prisões por posse de entorpecente e 13 por tráfico de drogas.

No mesmo período do ano passado, a Capital do Vinho registrou dois homicídios, 62 furtos, 10 furtos de veículo, 19 roubos, três roubos de veículo, 26 registros de estelionato, cinco delitos relacionados a armas e munições, cinco prisões por posse de entorpecente e quatro registros por tráfico de drogas.

  • Compartilhe
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no WhatsApp

Bento registra 60% a mais no número de roubos de veículos no primeiro mês do ano

A Secretaria de Segurança Pública do Estado do Rio Grande do Sul divulgou nesta semana os núemros da violência no primeiro mês do ano em Bento Gonçalves. Durante janeiro, foram registrados cinco roubos de veículos, sendo dois a mais que no mesmo período do ano passado. Ainda foi possível verificar o número de 54 furtos, sendo muito comum nesta época do ano, o furto-arrombamento, em residências que ficam vagas durante o período de férias.

De acordo com o levantamento realizado pela secretaria, os números mostram ainda que durante o mês janeiro, em Bento Gonçalves foram registrados nove casos de furtos de veículo, 12 ocorrências de roubo, 20 registros de estelionato, três casos de delitos relacionados a armas e munições, 16 prisões por posse de entorpecente e 13 por tráfico de drogas.

No mesmo período do ano passado, a Capital do Vinho registrou dois homicídios, 62 furtos, 10 furtos de veículo, 19 roubos, três roubos de veículo, 26 registros de estelionato, cinco delitos relacionados a armas e munições, cinco prisões por posse de entorpecente e quatro registros por tráfico de drogas.

Fale com a redação!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )